Reprodução / Globo

E a primeira estreia de dramaturgia do ano já é uma ótima minissérie da Globo. “Amores Roubados” será exibida hoje de noite, e se o seu conhecimento sobre ela se resume ao barraco envolvendo Cauã Reymond, Isís Valverde e a Grazi Massafera, sugiro que leia esse post com tudo o que você precisa saber sobre a minissérie.

Qual é a história desse negócio?
Leandro Dantas (Cauã Reymond) é um conquistador que retorna à sua cidade natal lá no sertão nordestino com um emprego sofisticado. Agora frequentando a alta sociedade, ele começa a flertar com várias mulheres. Uma delas é Antônia (Ísis Valverde), filha de uma das paqueradas por seu instinto sedutor. E aí a história segue com mistérios até chegar a um crime terrível. A história é baseada em um livro chamado “A Emparedada da Rua Nova”, publicado como folhetim no século XIX.

Parece legal, mas a Globo não sabe fazer história com mistério.
Você que pensa! No começo de 2013 a emissora colocou no ar a microssérie “O Canto da Sereia”, e mesmo sendo baseada em um romance as pessoas ficaram se questionando sobre os mistérios. Inclusive, “O Canto da Sereia” teve aumento de audiência de um capítulo para o outro, um fato raro em produtos do gênero. E “Amores Roubados” promete algo semelhante, até mesmo o autor George Moura é o mesmo nas duas produções.

Certo, mas e o elenco é bom?
Ao contrário de “Além do Horizonte”, a emissora colocou grandes atores na minissérie. Além de Cauã Reymond e Ísis Valverde, a galeria de intérpretes ainda conta com Patrícia Pillar, Murilo Benício, Dira Paes e muito mais gente.

Certo, você me convenceu. Como faço para assistir a “Amores Roubados”?
Só ficar ligado hoje depois de “Amor à Vida” (sabe-se lá que horas a novela vai acabar hoje, então você precisa ver mesmo a trama das nove, só lamento).